Meu Curso de Guitarra

Recentemente, eu entrei em um curso de guitarra, e como eu falei em um dos artigos passados, aprendi a ganhar algum dinheiro trabalhando pela internet através do curso SEO Para Afiliados, que também já falei um pouco aqui no blog.

O fato é que isso tudo graças a tecnologia que dispomos hoje, já imaginou pensar na época dos Vikings por exemplo, eles nem sonhavam em computador, demoraram mais de 1500 anos para pensar nessas tecnologias, e eu aqui, e várias pessoas que fazem negócios e verdadeiros impérios online. É insano de imaginar, não é mesmo?

Bom, sem muita enrolação, gostaria de falar um pouco do que achei do meu curso e se estou gostando… e cara, é tudo muito difícil… os dedos estão totalmente travados, eu pensava que iria fazer melhor, mas fiquei parecendo uma maluca junto com o professor.

Eu até entendi um pouco da teoria, os nomes das cordas e tal, até trouxe para casa para treinar mais, mas os dedos não acompanham o raciocínio do cérebro. Eu devo ter falado que não gostava de escolas de guitarra, e realmente não gosto, mas junto com o curso academia da guitarra, eu estou fazendo aula com um amigo que manja muito de guitarra e quis me ajudar. (Acho que ele tem uma quedinha por mim, mas enfim… rsrs)

Aliás, tem um artigo muito bom chamado como aprender a tocar guitarra neste site e foi por onde comprei na verdade. 

Quando é assim não tem problema, se você conhece alguém que você sabe que não está querendo tomar o seu dinheiro, tudo bem. Uma pessoa honesta.

No meu caso, ainda esqueci de falar, mas ele está me ajudando de graça, até falou em montar uma banda aqui, mas estou muito no início. O fato é que quando ele aprendeu, não tinha ninguém para tocar com ele, e até hoje não tem, é uma cidade do interior aqui de São Paulo onde moramos, então é mais complicado.

As dicas dele estão legais, espero aprender mais em breve, e aproveitar enquanto o Julio esta me ensinando de graça. rsrs

Bjocas!

Gosta de guitarra? Veja uma aula do youtube.

Se você conseguir aprender, isso com certeza merece um vinho fácil, não é mesmo? 🙂