A Morte do Vocalista do Linkin Park

Sim, tivemos a triste e recente notícia de que o Vocalista da banda Linkin Park foi encontrado morto com sinais de suicídio em um hotel na California. Mesmo sabendo os pilares do canto, ou seja, tudo o que um vocalista de sucesso precisa realmente para ser um sucesso, ele preferiu sair deste mundo.

Segundo relatos, o cantor teria se matado porque sofreu abusos de um amigo mais velho quando tinha apenas 7 anos, e encontrou na música, uma válvula de escape, mas ao mesmo tempo encontrou também na música, o vício de álcool e drogas, o que talvez possa ter ajudado a morte prematura do cantor.

Meu ponto aqui é, imagine tudo o que esse cara tinha de Tecnologia em relação a música, tudo do bom e do melhor, os melhores amplificadores, os melhores sets, guitarras, baixos, baterias, tudo de mais moderno que você possa imaginar, só não tinha uma coisa, felicidade.

O fato é que não adianta termos tudo o que tem de bom nessa vida, se não formos felizes e aproveitarmos cada momento único que ela nos proporciona. Já parou para pensar que cada momento que você está vivendo neste exato momento, por exemplo, nunca mais irá se repetir? É um momento único. Todos os momentos são momentos únicos.

Apesar da nossa busca pela Tecnologia, temos que analisar até onde isso nos faz feliz. Se você  sofre com depressão ou anda meio triste, faça um favor para si mesmo, procure um médico, isso tem cura. Eu mesmo sofro com depressão e ansiedade, porém estou bem melhor quando aprendi a controlar e tomar remédios.

No caso do Chester, vocalista do Linkin Park, creio que a depressão era profunda e por isso não tinha como ele avisar a ninguém, pois esse é o comportamento típico dos suicidas. Eles sofrem calados e fingem que tudo está muito bem. Se você tem depressão, fale com alguém, deixe as pessoas saberem o que está acontecendo. Avise também quem sofre com isso, que isso pode passar. Ajude-a e você pode salvar uma vida.

Estou aprendendo a cantar com um curso online chamado Além da Voz. Como vocês puderam notar, a música pode ser uma válvula de escape, e por um bom tempo foi para o Chester, porém o fato é que ele se envolveu com drogas e outras coisas… Agora eu que tenho uma depressão leve, consigo me sentir bem melhor quanto canto, toco guitarra, meus instrumentos no geral. 

De verdade, a música pode salvar a sua música se você não se envolver em mais coisas erradas igual o Chester fez. Procure também passar mais tempo com os seus familiares e pessoas que você gosta e quer bem.

Bom, creio que era só isso mesmo, mais um desabafo, pois muitos andam se suicidando ultimamente, e muitos dos meus ídolos. Irei deixar um vídeo que pode ajudar você ou mesmo um amigo que está sofrendo com essa doença.

Até mais…

A Morte do Vocalista do Linkin Park
Rate this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *